Confronto da Semana: Mac x PC

Hoje o Vida Ordinária adentra o mundo tecnológico. Afinal, nós somos um blog e, estando inseridos nesse contexto, não dava pra ignorar a maior rivalidade desse mundo de usuários de computadores: Mac x PC.

E que, devo dizer, foi um dos confrontos mais fáceis de ser escrito, tamanha a quantidade de informações e opiniões comparando um e outro. Geralmente a galera parte prum lado técnico, mas como eu sou leigo (assim como a maior parte dos demais usuários), vou tentar partir prum lado mais “o que realmente interessa pra mim”.

Quem será que leva a melhor?

Hoje, apenas 8 rounds, que serão:

1º Round:Proteção

2º Round: Diversão

3º Round: Praticidade

4º Round: Custo/Benefício

5º Round: Sistemas Operacionais

6º Round: Design

7º Round: Comerciais

8º Round: Espírito da marca

E vamos lá, os nerds vão à luta!

1º Round:Proteção

Oi, eu sou um Mac e não existem vírus para mim.

E eu sou um PC e existem milhões, ou melhor, bilhões de vírus pra mim. Arrá! Ganhei! Toma, Mac…

Err… PC, nesse caso quem ganhou fui eu. Não ter vírus significa que eu sou mais estável e seguro que você.

Ah, é? Então, então…. então eu duvido que você não tenha vírus nenhum!

Olha, bem que estão tentando criar algum. Existe até concurso na internet… mas por enquanto esse negócio de vírus, spyware e malware por enquanto ainda é exclusividade sua.

Mas fiquei sabendo que você tem até anti-vírus! É pra que então?

Simples, pra evitar que meus usuários repassem para seus pobres usuários desprotegidos algum vírus  que por ventura recebam por e-mail ou algo assim, já que a mim esses vírus não afetam.

Sério? Pô, brigadão…

Mac 1 x 0 PC

2º Round: Diversão

Oi, eu sou um Mac e se você me tem, pode esquecer da idéia de jogar em mim.

E eu sou um PC e tudo quanto é tipo de jogo você pode rodar em mim.

Mas pera lá, qualquer jogo pode rodar em mim. A culpa é das desenvolvedoras de software que simplesmente não criam versões para Mac para a grande maioria dos jogos.

Mimimimimimimimimimi.

Eu tô falando alguma mentira?

Ok, não criam jogos para você, pobrezinho. E por que será que isso acontece? Porque você é chato, feio e bobo.

Ah, PC, deixa de ser fanfarrão. É porque sabem que eu tenho tanta coisa legal que eu não preciso de games para ser muito mais divertido que você. Já viu quantas horas as pessoas passam brincando no Photo Booth?

Photo Booth ou GTA? Ó, céus, que dúvida…

Isso sem falar naquela diversão do dia-a-dia, que você pode usufruir enquanto estuda ou trabalha. O iTunes, por exemplo, é um milhão de vezes melhor e mais completo que o Windows Media Player.

Grandes coisas. O iTunes realmente é fodaço, mas ele roda em PC. O Photo Booth não passa de um programa de webcam. Também roda em mim. Mas e você, consegue rodar alguma coisa que eu não consigo pro lazer do usuário?

cri cri cri…

Mac 1 x 1 PC

3º Round: Praticidade

Oi, eu sou um Mac e basta você me ligar para fazer de tudo.

E eu sou um PC e basta você me ligar, instalar o sistema operacional, instalar todos os programas, configurar tudinho e aí sim, depois de algumas (muitas) horas fazer de tudo.

Eu sou plug-and-play. E ainda tenho compatibilidade com praticamente tudo.

já eu vivo dando conflito com um monte de coisas, mas isso não é problema. Basta você baixar um driver na Internet que logo logo vai possivelmente funcionar. Isso se esse driver estiver disponível para a sua versão do sistema operacional.

E você chama isso de prático?

Sim, ué.

Só se for “praticamente” uma tortura.

Mac 2 x 1 PC

4º Round: Custo/Benefício

Oi, eu sou um Mac e custo caro pra caramba.

E eu sou um PC, e por mais que a Apple baixe os preços dela, eu sempre vou ter algum modelo mais barato que o Mac com configuração igual ou melhor. Afinal, minha arquitetura é aberta, e por isso as montadoras  (ou até mesmo você, usuário) podem comprar componentes de diferentes procedências, e, com isso,  ter um melhor controle dos custos.

Ah, sim. Diferentes procedências, preço baratinho. Ou  seja, peças vagabundas de Taiwan, que vão ter vida útil absurdamente inferior às do hardware de um Mac.

Hardware tão bom que você até mudou o processador para o mesmo Intelzinho que eu uso. Arrá! E cobrando muito mais por isso.

O que interessa é que eu sou bonito e cool pra caramba, e rodo programas gráficos como nenhum outro.

Na verdade não, o que interessa é que tudo que você consegue fazer, eu faço tão bem quanto e ainda sobra uma grana para cerveja e mulheres.

Mac 2 x 2 PC

5º Round: Sistemas Operacionais

Oi, eu sou um Mac e eu tenho um sistema operacional prático, bonito, rápido e funcional.

Oi, eu sou um PC e tem vários sistemas operacionais que rodam em mim. Mas como aqui o papo é entre leigos, vamos deixar os chatos de Linux e afins pra lá e nos concentrar no meu maior conhecido: o Windows.

Ou seria Ruindows?

Ah, fala sério, Mac, você sabe muito bem que o Windows melhorou bastante ao longo das versões.

Sim, até chegar ao Vista, que é uma cópia pálida do OS X. Que coisa feia, PC, seus colegas da Microsoft me chuparam. E convenhamos, ser chupado por Bill Gates e Steve Ballmer não é lá muito excitante.

Verdade, ainda mais o Ballmer, com aquela gritaria e aqueles pulinhos ridículos.

Mac 3 x 2 PC

6º Round: Design

Oi, eu sou um Mac e eu sou lindo.

Oi, eu sou um PC e melhor ser feio do que ser viado. Que porra escrota esse negócio de “eu sou lindo”…

Fazer o que se estamos vivendo na era do design e todo mundo me acha irresistível? Eu sou compacto, bonito, harmonizo bem com qualquer ambiente. Você é uma fiarada toda, um monte de coisa conectada, um trambolho.

Mas eu também tenho cases pra lá de criativos e bonitos.

Mas que continuam sendo mais feios do que um Mac. Sendo que a minha excelência em design não fica restrita ao exterior. O design do OS X ainda dá de 10 em qualquer coisa que se vê na tela de um PC. Exceto pornografia, talvez… Meu amigo, agüenta essa, meu visual é foda.

Mac 4 x 2 PC

7º Round: Comerciais

Oi, eu sou um Mac e minha campanha publicitária é tão foda e marcante que até inspirou a forma como esse Confronto está sendo escrito.

E eu sou um PC e fui transformado num estereótipo. E até um mês atrás eu estaria desesperado achando que ia perder esse confronto. Mas aí eu simplesmente respondi de forma brilhante a campanha da Apple e destruí uma argumentação que eles estão usando há anos.

Você está falando da campanha mal-sucedida com o Jerry Seinfeld?

Mal-sucedida? I don’t think so. Ela chamou um bocado de atenção. Atenção suficiente para todo mundo estar de olho nos comerciais da Microsoft no momento em que lancei a campanha do I’m a PC e desbanquei você.

O que importa é que minhas piadas nos meus comerciais são muito mais divertidas.

O que importa é que depois da minha campanha, a sua parece justamente isso: uma piada.

Mac 4 x 3 PC

8º Round: Espírito da marca

Oi, eu sou um Mac e todos querem ser como eu.

E eu sou um PC e as pessoas têm vergonha de admitir que são como eu.

Eu represento a inovação, o design. Eu sou o cool.

Eu não sou cool. Eu sou de verdade.

O que você quis dizer com isso? Enfim, não importa. O importante é que eu tenho uma legião de seguidores.

O que é meio ridículo, afinal, você é apenas um produto. Não se idolatra um produto, e sim se consome um produto. Você tem uma legião de seguidores, mas eu tenho um número imensamente maior de usuários, de consumidores. Além do mais, as pessoas babam o ovo da Apple como um todo, e você Mac, queira ou não, é apenas uma pequena parcela desse universo. Tem que dividir espaço com o iPhone, com o iPod. Nem seus seguidores são unicamente seus.

Se isso é verdade, por que tem esse quadro aí em cima, de 1996 (antes de existir iPod ou iPhone) que mostra  como usuários de Mac são mais descolados que os de PC?

O quadro que, como a sua campanha, tenta transformar o PC em um careta estereotipado? E que diz em uma das legendas que Jerry Seinfeld nunca usaria um PC? Pois bem, ele me usa. E é meu garoto-propaganda. Contra você.

Ah, vai se fuder, todos querem ser um Mac.

Pode até ser. Mas no fundo todos são um PC.

Oi, eu sou o Alexandre. E a verdade é que tanto o PC quanto o Mac tem coisas fodas e coisas ruins. E aí vai de cada um ver qual combina mais com sua personalidade. Sobre quem ganha aqui? Seguindo essa minha última frase, tenho que escolher com base em mim. E bem, vamos colocar da seguinte forma: eu queria ser um Mac. Mas sou um PC.

Mac 4 x 4 PC

EMPATE!

Primeira vez que deixo um confronto terminar empatado. É que realmente foi difícil achar critérios que pudessem formar um round de desempate e ainda mantivesse toda a “leiguice” do embate.

E é como eu disse, nesse caso, não tem como desempatar. Afinal, se é Mac ou PC, vai de cada um.

.

A partir dessa semana vamos saber que lado a maioria dos leitores prefere. Pra você, quem deveria vencer?

Sugestões de confronto também são bem-vindas!

E semana que vem voltamos com um Confronto especial, que tá pronto há algum tempo já. Até lá!

Anúncios

10 respostas para Confronto da Semana: Mac x PC

  1. Fabiano disse:

    Eu discordo no quesito praticidade. O meu notebook é um PC e eu só liguei ele que já saiu funcionando e detectou automaticamente a internet wireless do meu vizinho 😛

    Say it loud: I’m a PC and I’m proud!

  2. É, mas isso que seu notebook fez, todo e qualquer Mac faz. No geral Macs são BEM mais práticos.

  3. Marcelo Ferraz disse:

    Po, o critério de desempate tinha que ser Ballmer vs Steve Jobs…
    Aí seria vitória mais do que justa pro Mac!
    =P

  4. Eu curto muito mais o Mac, mas tenho os 2. Na verdade o Mac é melhor, porém sem um PC vc fica meio travado (no bom sentido da palavra) com algumas coisas. O bom mesmo é desktop PC e aptop Mac.

  5. Mariana disse:

    Na minha opinião o PC vence disparado. Pelo custo/benefício e pelas possibilidades. Ter que instalar um sistema operacional e os programas dá trabalho, mas deixa aberta toda uma gama de possibilidades de você colocar o que quer e precisa no seu computador. Eu não tenho paciência nenhuma para Linux e para grande parte das coisas opensource, mas para quem tem, a possibilidade de controle é ainda maior. Sem falar que com Linux o problema de vírus é bem menor que no caso do Windows.

    Bem, eu não trabalho com programas gráficos mas trabalho com imagem, de um jeito ou de outro (imagem de microscopia). Os microscópios que eu uso são todos feitos para serem controlados via PC, o tratamento de imagem e tudo mais é todo feito num desktop comum (no caso dos modelos mais novos). Só tem um modelo lançado que vem acompanhado de um Mac. Ele é menor e compacto, bem mais bonitinho e você só precisa colocar a amostra lá. Além disso o software é mais fácil de usar. Mas é isso, ele é feito pra quem quer operar facilmente um equipamento sem entender direito o que ele faz, com bem menos recursos do que os outros modelos oferecem. Isso, para mim, combina bastante com o Mac.

  6. Caraleo, que foda! Alguém que trabalha com microscopia lê nosso blog! AMEI!

    E foda-se o Mac, foda-se o PC, quero uma casinha no campo!

    Né, Xano?

    ^^

  7. natan disse:

    Cara, o duelo ficou muito bom. Realmente acho que o ponto mais fraco do Mac é o preço, embora todo o resto compense o investimento.

  8. Marcelo Ferraz disse:

    HUAHAUHAUHAUHAUHAUA

    Muito Bife esse comentário, Bife!

  9. Rafael disse:

    Assim como você, eu também fico em dúvida. Adoro Macs e acho eles lindos, porém, o fato é que eu nunca trabalhei de verdade em um (na agência onde eu trabalhava só diretor de arte e arte-finalista mexia com Mac). Se você for pensar assim, eu sou 100% PC em termos de uso.

    Aliás, essa questão dos joguinhos é completamente relevante pra mim…mais um ponto pro PC então. =P

    De qualquer forma, eu acho que Mac virou meio que uma “grife”, sabe? Tipo, são ótimos computadores, mas normalmente quem se dispõe a comprar um o faz meio que pra entrar em um “círculo” de pessoas cools e tal (tanto que normalmente são pessoas que trabalham com imagens – designers ou arquitetos – ou vídeos)…tipo quando você fica rico bagarai e compra uma Ferrari ou um Porsche.

    Aliás, é o que eu digo, diretores de arte que não têm preferências por Macs e não usam All Star não são verdadeiros diretores de arte. Hehehehe

    Mas acho que vou ser forçado a dar meu voto pro PC…o que não significa que eu não teria um Mac se pudesse. =P

  10. Rafa, esse lance do “círculo”que você citou é um dos pontos de um site que o Sky me passou, esse aqui: http://www.thebestpageintheuniverse.net/c.cgi?u=macs_cant

    Segue a citação específica:

    “After the recent Apple conference, Mac fans were elated. One person was quoted as saying “I’ve had a Macintosh now for a total of 35 days, and I’m really excited to be part of the Mac community.” Part of the Mac community? It’s a computer, not a social movement, asshole! I feel like Apple is not just selling computers, they’re selling a way of life, and I’m not ready to be that heavily invested in a product.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: